2021
DOI: 10.1002/tax.12640
|View full text |Cite
|
Sign up to set email alerts
|

Brazilian Flora 2020: Leveraging the power of a collaborative scientific network

Abstract: The shortage of reliable primary taxonomic data limits the description of biological taxa and the understanding of biodiversity patterns and processes, complicating biogeographical, ecological, and evolutionary studies. This deficit creates a significant taxonomic impediment to biodiversity research and conservation planning. The taxonomic impediment and the biodiversity crisis are widely recognized, highlighting the urgent need for reliable taxonomic data. Over the past decade, numerous countries worldwide ha… Show more

Help me understand this report

Search citation statements

Order By: Relevance

Paper Sections

Select...
3
1
1

Citation Types

0
7
0
4

Year Published

2022
2022
2024
2024

Publication Types

Select...
8
1

Relationship

4
5

Authors

Journals

citations
Cited by 71 publications
(11 citation statements)
references
References 77 publications
0
7
0
4
Order By: Relevance
“…Portanto, é necessários esforços contínuos para a realização de estudos científicos, complementado por trabalhos de campo adicionais em todas as regiões do país, abordando táxons negligenciados e áreas subamostradas para obter um quadro mais abrangente da biodiversidade brasileira, especialmente nas regiões menos amostradas do país, e assim preencher lacunas críticas para táxons e áreas que foram negligenciadas (BFG, 2022).…”
Section: Diversidade De Briófitasunclassified
See 1 more Smart Citation
“…Portanto, é necessários esforços contínuos para a realização de estudos científicos, complementado por trabalhos de campo adicionais em todas as regiões do país, abordando táxons negligenciados e áreas subamostradas para obter um quadro mais abrangente da biodiversidade brasileira, especialmente nas regiões menos amostradas do país, e assim preencher lacunas críticas para táxons e áreas que foram negligenciadas (BFG, 2022).…”
Section: Diversidade De Briófitasunclassified
“…O Brasil é conhecido por apresentar uma riqueza considerável de briófitas com aproximadamente 1.610 espécies (898 musgos, 694 hepáticas e 18 antóceros) distribuídas em 419 gêneros e 117 famílias, das quais 354 são endêmicas (Gradstein et al, 2001;LEFB, 2020;BFG, 2022). Apesar dos avanços nas pesquisas com as briófitas no país, Costa e Peralta (2015) afirmam que ainda existem muitas lacunas a serem preenchidas, pois várias regiões no território brasileiro permanecem sem estudos do grupo.…”
Section: Introductionunclassified
“…Nesse sentido o Brasil conseguiu desenvolver várias atividades importantes, principalmente em relação ao Conhecimento da Biodiversidade, como a Publicação da Flora do Brasil 2020(Brazil Flora Group, 2022). E no âmbito da Amazônia, muitos trabalhos de descrição de novas espécies são evidenciados (Cantuária et al, 2021b;Cantuária et al, 2021c;Cantuária & Silva, 2021;Cantuária et al, 2020;Cantuária et al 2019a;Cantuária et al, 2019b;Krahl et al 2021a;Krahl et al 2021b), não se pode deixar de mencionar que muitos trabalhos oriundos do uso de plantas são conduzidos com o intuito de sistematizar o uso da biodiversidade para alguma atividade biológica (Rodrigues et al, 2022;Rodrigues et al, 2021Jones et al, 2021;Martins et al, 2021).…”
Section: De Acordo Com Lopesunclassified
“…The geographic distribution of Quillaja is quite intriguing, with the Andes Mountains being a geographical barrier isolating the two species. Quillaja saponaria Molina is found in Chile, while Quillaja lancifolia D.Don (previously known as Q. brasiliensis ) is a representative tree of Araucaria forests in southern Brazil, northern Uruguay, northeastern Argentina, and eastern Paraguay [ 1 , 2 ]. Quillaja saponins have a wide range of industrial applications—as adjuvants in vaccines, food additives, and cosmetic industry.…”
Section: Introductionmentioning
confidence: 99%