volume 24, issue 3, P973-993 2014
DOI: 10.1590/s0103-73312014000300016
View full text
|
|
Share

Abstract: Examina-se o papel das revistas femininas na constituição da puericultura como área de conhecimento e campo específico de atuação médica nas primeiras décadas do século XX no Brasil, e de um novo papel social feminino: a mãe moderna. A partir da identificação da imprensa periódica como veículo privilegiado de difusão da ciência na sociedade, aponta-se a função de mediação cultural exercida por duas revistas em circulação no período - Vida Domésticae Revista Feminina - na conformação de um novo modelo de matern…

Expand abstract

Search citation statements

Order By: Relevance

Paper Sections

0
0
0
0
0

Citation Types

0
1
0
5

Publication Types

Select...

Relationship

0
0

Authors

Journals