2006
DOI: 10.1590/s0101-73302006000200013
|View full text |Cite
|
Sign up to set email alerts
|

A pesquisa e a criação de conhecimentos na pós-graduação em educação no Brasil: conversas com Maria Célia Moraes e Acácia Kuenzer

Abstract: A pesquisa e a criação de conhecimentos na pós-graduação em educação no Brasil... Soc., Campinas, vol. 27, n. 95, p. 577-599, maio/ago. 2006 Disponível em Educ. RESEARCH AND KNOWLEDGE PRODUCTION IN BRAZILIAN POST-GRADUATION IN EDUCATION: A DIALOGUE WITH MARIA CÉLIA MORAES E ACÁCIA KUENZERABSTRACT: Based on a paper by Moraes and Kuenzer published in Educação & Sociedade 93, which raised issues related to postgraduation in Education, this paper discusses the history and developme… Show more

Help me understand this report

Search citation statements

Order By: Relevance

Paper Sections

Select...
1
1

Citation Types

0
0
0
4

Year Published

2009
2009
2024
2024

Publication Types

Select...
5
1

Relationship

1
5

Authors

Journals

citations
Cited by 7 publications
(4 citation statements)
references
References 3 publications
0
0
0
4
Order By: Relevance
“…Ao passo que a forma da árvore, própria do pensamento moderno, pressupõe linearidade, sucessão e sequenciamento obrigatório, do mais simples ao mais complexo, da teoria para a prática, a noção de rede exige considerar a horizontalidade das relações entre os diferentes conhecimentos. (OLIVEIRA;ALVES, 2006, p. 594).…”
Section: A Interdisciplinaridade Como Critério Norteador Da Organizaçunclassified
“…Ao passo que a forma da árvore, própria do pensamento moderno, pressupõe linearidade, sucessão e sequenciamento obrigatório, do mais simples ao mais complexo, da teoria para a prática, a noção de rede exige considerar a horizontalidade das relações entre os diferentes conhecimentos. (OLIVEIRA;ALVES, 2006, p. 594).…”
Section: A Interdisciplinaridade Como Critério Norteador Da Organizaçunclassified
“…Área Temática: Educação Visual, Linguagens Visuais e Arte A crescente consciência sobre a insuficiência dos métodos de pesquisa associados ao cientificismo positivista -voltados para as generalizações e definição de modelos -para a compreensão da complexa dinâmica que envolve a vida cotidiana vem servindo de incentivo para o desenvolvimento de modos diferenciados de pesquisar, dentre os quais se inclui a pesquisa nos/dos/com os cotidianos (ALVES;OLIVEIRA, 2001OLIVEIRA, , 2006aOLIVEIRA, e 2006bFERRAÇO, 2001FERRAÇO, e 2003AZEVEDO, 2003;OLIVEIRA;SGARBI, 2007a e 2007B e OLIVEIRA, 2003E 2007b. Seja quando a direcionamos para o cotidiano escolar ou quando interrogamos a vida cotidiana em geral, incluindo-se aqui a da juventude (Victorio, 2005(Victorio, e 2007, as pesquisas que vimos desenvolvendo buscam compreender o que se passa "quando aparentemente nada se passa" (PAIS, 2003) -como nos ensina meu colega de mesa.…”
Section: Dossiêunclassified
“…Refiro-me a Boaventura de Sousa Santos, a quem prefiro chamar assim pela beleza desse nome e pela inequivocidade da identidade do autor, ao contrário de Santos, que remete a muitos intelectuais com os quais poderia aqui dialogar.4 Boa parte do que aqui está já foi discutido e apresentado em outros textos(OLIVEIRA, 2001(OLIVEIRA, , 2003(OLIVEIRA, , 2005(OLIVEIRA, , 2007ALVES;OLIVEIRA, 2001 OLIVEIRA, , 2002OLIVEIRA, , 2006a e 2006b e OLIVEIRA; SGARBI 2007a e 2007b), embora o dinamismo da vida cotidiana e dos processos de tessitura de conhecimentos faça com que, a cada momento, o texto se expanda diferentemente. Ou seja, o leitor encontrará aqui muitas semelhanças com outros textos, mas também mudanças e enriquecimentos.© ETD -Educação Temática Digital,Campinas, v.9, n.…”
unclassified
“…constituição do conhecimento escolar, que, por sua vez, compreende as questões de transposição didática; que não é condizente com as ideias adotadas nesta pesquisa, principalmente por hierarquizar os conhecimentos, competências, atitudes e valores transmitidos na escola. Apesar do reconhecimento da dinâmica sociocultural interna e externa à escola, como elemento de criação do conhecimento escolar, o autor ainda não reconhece a sua especificidade, hierarquizando-o juntamente aos demais conhecimentos organizados pela escola.A ideia de conhecimento em rede reconhece que há uma pluralidade de conhecimentos e que nenhum deles é subordinado ou privilegiado em relação aos outros, mas, sim, que há feixes de relações, ligações, que se instituem horizontalmente a partir de discussões coletivas(ALVES, 2002;OLIVEIRA e ALVES, 2006). Portanto, não existe um único currículo na escola, há um hibridismo cultural vivido nos cotidianos escolares(FERRAÇO, 2006).Recuperando trajetórias envolvendo o cotidiano escolar, Alves eOliveira (2004) relacionam imagens e narrativas para apontar espaçostempos 17 diferentes produzidos cotidianamente, a diversidade de práticas e situações que constituem as redes de saberes e o cotidiano das escolas.…”
unclassified