volume 15, issue 4, P520-525 2010
DOI: 10.1590/s1516-80342010000400008
View full text
|
|
Share

Abstract: OBJETIVO: Caracterizar a interferência da tontura na qualidade de vida de adultos com migrânea qualificando seus efeitos impostos no cotidiano destes indivíduos nos aspectos físico, emocional e funcional, por meio do questionário DHI (Dizziness Handicap Inventory) Versão Brasileira. MÉTODOS: Foram avaliados 25 pacientes adultos com diagnóstico de migrânea, de ambos os gêneros, com idades variando entre 20 e 80 anos. Os pacientes que apresentaram queixa de tontura responderam ao questionário DHI Versão Brasilei…

Expand abstract