volume 34, issue 122, P175-193 2013
DOI: 10.1590/s0101-73302013000100010
View full text
|
Sign up to set email alerts
|
Share

Abstract: R E S U M O :Este texto aponta bases normativas para a análise de políticas educacionais a partir da teoria da justiça e de sua correlação com a democracia, operando uma contraposição de autores como Rawls, Honneth e Fraser. Parte-se de uma apresentação do modelo liberal e de sua proposta de redistribuição. Em seguida, abordam-se críticas a esse modelo feitas pela teoria do reconhecimento de Honneth. São descritas, posteriormente, a crí-tica e a rearticulação desses modelos na obra de Fraser, apresentando a s…

Expand abstract