volume 24, issue 85, P1363-1373 2003
DOI: 10.1590/s0101-73302003000400013
View full text
|
Sign up to set email alerts
|
Share

Abstract: RESUMO:Neste artigo é discutida a relevância dos problemas psicopedagógicos recorrentes das determinações internas e externas à educação escolar, a par do equívoco da pretensão de regulamentar a psicopedagogia como mais uma profissão da esfera educacional. Destaca a questão da regulamentação das profissões de nível superior no Brasil e as raízes variadas da psicopedagogia desde o período imediato após a Segunda Guerra Mundial.Palavras-chave: Psicologia. Psicopedagogia. Educação. Profissões regulamentadas. PRO…

Expand abstract