volume 53, issue 7, P804-810 2009
DOI: 10.1590/s0004-27302009000700003
View full text
|
Sign up to set email alerts
|
Share

Abstract: OBJETIVO E MÉTODOS: Com o propósito de investigar a contribuição do exame da cromatina nuclear no diagnóstico diferencial das lesões foliculares da glândula tireoide, foram estudadas 76 amostras previamente submetidas à análise de expressão proteica de HBME-1, CK-19 e galectina-3. RESULTADOS: HBME-1 confirmou-se como o mais sensível marcador imunoistoquímico de malignidade. Uma série de variáveis morfométricas, densitométricas e de textura foram úteis na distinção entre os diferentes tipos de lesão folicular. …

Expand abstract