volume 28, issue 1, P56-65 2020
DOI: 10.1590/1414-462x202000280354
View full text
|
|
Share

Abstract: Resumo Introdução estudos no Brasil e em diversos países indicam que os serviços de urgência são frequentemente utilizados como portas de entrada para os sistemas de saúde, sobrecarregando-os e impactando na qualidade do serviço prestado à população. Entretanto, pouco se conhece sobre esse fenômeno nas unidades de pronto atendimento (UPAs) do nosso país. Objetivo investigar as variáveis associadas ao uso inadequado de duas UPAs em um município de grande porte. Método estudo transversal com uma amostra de 75…

Expand abstract